Certificações:

Anbima: CPA-10, CPA-20, CEA          ANCORD: AAI             Planejar: CFP

O que é SWAP?

Boaaaa Turma, Tudo bem? Como estão?


Hoje estava pensando em como fazer com que você não errasse este tema mais na sua prova e pensando nisso decidi escrever um pouco para vocês sobre o SWAP, uma estrutura que pertence ao mercado de derivativos e muito utilizada no mercado secundário.


SWAP é uma operação em que há troca de posições quanto ao risco e à rentabilidade, entre investidores. O contrato de troca pode ter como objeto moedas, commodities ou ativos financeiros.


Nesta modalidade de contrato, quem possui um contrato de Câmbio, pode trocar com outro investidor que possui contrato de DI, e é muito comum acontecer isso no mercado.


Swap é um contrato derivativo. Pode ser usado para proteção (hedge ou seguro), ou como investimento especulativo.


Nesse tipo de contrato, os investidores se comprometem a pagar a oscilação de uma taxa ou do valor de um ativo (no caso do contrato cambial, considera-se a variação na cotação do dólar americano, por exemplo). Quando um investidor realiza o chamado swap cambial reverso, por exemplo, isto é, troca CDI, em reais, por variação cambial em dólares, ele também ganha, além da variação, uma taxa adicional, chamada de cupom cambial


Os swaps mais comuns no mercado brasileiro são:

* Swap de taxa de juros: Troca da taxa de juros prefixados por juros pós-fixados (conforme a variação dos CDIs, por exemplo, que é um ativo financeiro corrigido pela taxa diária de juros) ou o inverso, para quem quer evitar o risco de uma futura alta nos juros.


* Swap cambial: Troca de taxa de variação cambial (variação do preço do dólar americano) por taxa de juros pós-fixados. Também conhecida como hedge (cobertura de risco) cambial, a swap cambial é uma operação de câmbio em que há simultaneamente a compra e a venda de moedas. Os valores iniciais, ou seja, o tamanho do contrato, os indicadores e a data de vencimento são livremente pactuados entre as partes.


Legal entender que neste tipo de contrato sempre teremos duas pontas a Ativa e Passiva, como funciona isso na prática:


* Ponta ativa: O contrato que quero (Exemplo: Trocar Dólar por DI), então o DI é a minha ponta ativa deste contrato.


* Ponta Passiva: O contrato que eu tinha (Exemplo: Tinha Dólar agora quero DI), então Dólar agora é a minha ponta passiva.


Para fechar a operação é importante verificar a diferença percentual das duas pontas, e o resultado desta diferença é o lucro da operação. Importante mencionar que o Imposto de renda no SWAP é baseado na Tabela Regressiva.


Até 180 dias - 22,5%

Entre 181 e 360 dias - 20,0%

Entre 361 e 720 dias - 17,5%

Acima de 721 dias - 15,0%


Viu agora como Swap não é um bicho de sete cabeças, eu brinco dizendo que é a Feira do Rolo no mercado financeiro, você sempre troca o que você tem pelo o que você deseja e quer.


Então já sabe, agora é a hora de você treinar e fazer bastante simulado, pois é isso que irá te aprovar na prova :)


Vamo com tudoooooo


Um abraço

Prof Fernando Gaspar


1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Lead Invest Educação Financeira Ltda

Rua Senador Feijo, 686 - Loja 218

Vila Mathias - Santos - SP

Ligue

T: 13 99745-3751

    13 99157-8085

    13 97417-7790

© 2018 by Lead Invest

Lead Invest - Todos os direitos reservados

  • Facebook Social Icon
  • Twitter Social Icon
  • YouTube Social  Icon
  • Instagram Social Icon